Hetrin ganha novos aparelhos de higienização das mãos

Os novos aparelhos foram instalados na UTI e no Centro Cirúrgico da unidade para garantir melhor higienização, além de economia e redução de resíduos

 

IMED - Instituto de Medicina, Estudos e Desenvolvimento | Hetrin - Hospital Estadual de Trindade | Degermaçâo das mâos
Equipe do Hetrin faz degermação com os novos aparelhos

Hospital Estadual de Trindade (Hetrin), unidade do governo de Goiás, adquiriu novos aparelhos de solução asséptica para a degermação das mãos. Com esses equipamentos, o hospital reduzirá os custos com escovas cirúrgicas, diminuindo consideravelmente a produção de resíduos, já que, após instalados, acontecerá somente a troca de refis, que podem render até mil aplicações.

Os novos aparelhos foram instalados na UTI e no Centro Cirúrgico da unidade, e serão usados em processos invasivos. Diversos estudos têm demonstrado que a solução asséptica é eficaz na eliminação de microrganismos patogênicos das mãos, reduzindo significativamente o risco de infecções associadas a procedimentos cirúrgicos.

A ideia da padronização da degermação das mãos partiu da coordenadora do bloco cirúrgico, Juliana Pereira, e foi adotada pela diretora administrativa do Hetrin, Vânia Fernandes, juntamente com o coordenador do SCIRAS (Serviço de Controle de Infecção Relacionada a Assistência à Saúde), Rodrigo Costa, a gerente assistencial, Polyana Bueno, e a coordenadora de farmácia, Jessica Bessa. Eles apontam que a padronização com solução asséptica pode promover uma abordagem mais uniforme entre a equipe de saúde, contribuindo para a eficácia geral das medidas de prevenção de infecções.

Foram realizados também treinamentos com as equipes do Centro Cirúrgico e UTI sobre a utilização do aparelho, como fazer a higienização correta e evitar desperdícios do produto. “Estamos sempre buscando nos atualizar, trazendo o que há de mais moderno no mercado e pensando em proporcionar a melhor e mais segura experiência para nossos pacientes”, ressalta a diretora do Hetrin, unidade gerida pelo Instituto de Medicina, Estudos e Desenvolvimento (IMED).

IMED - Instituto de Medicina, Estudos e Desenvolvimento | Hetrin - Hospital Estadual de Trindade | Degermaçâo das mâos
Novo aparelho de solução asséptica para a degermação das mãos


Benefícios

A degermação com a solução asséptica é um processo mais rápido e prático em comparação com a utilização de escovas cirúrgicas. Isso pode resultar em economia de tempo e permitir maior adesão à higiene das mãos entre os profissionais de saúde. Além desses benefícios, o uso frequente de escovas cirúrgicas pode contribuir para a irritação e ressecamento da pele das mãos, aumentando o risco de lesões cutâneas.

Os custos do hospital com o processo de higienização também serão menores. “Eles serão reduzidos pois vamos substituir as escovas, detergentes, bem como o uso de compressa estéril, sem falar em um dos principais benefícios, que é a praticidade”, aponta a coordenadora da farmácia, Jessica Bessa.

O novo aparelho não causa ressecamento na pele, pois não tem efeito residual prolongado graças à sua solução alcoólica especialmente desenvolvida para antissepsia cirúrgica das mãos e higienização de pele. E possui em sua formulação, álcool, clorexidina e peróxido de hidrogênio, uma combinação rápida, ampla e de persistente atividade antimicrobiana com benefícios dos ácidos graxos essenciais (AGE) para a pele.

“Estamos utilizando as estratégias do 5R's: repensar, recusar, reduzir, reutilizar e reciclar, no Centro Cirúrgico do Hetrin, pois vamos diminuir os resíduos comuns e, assim, diminuir o impacto no meio ambiente”, relata Juliana Pereira.

 

Assessoria de Comunicação do Hetrin

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem

Últimas

5/recent/post-list