Fieg promove encontro internacional no setor de cosméticos com a 7ª rodada do Exporta Mais Brasil.


Setor de cosméticos de Goiás recebe compradores de todo o mundo em busca de negócios promissores


A Federação das Indústrias do Estado de Goiás (Fieg) recebeu quarta-feira (18/10) a 7ª rodada de negócios do programa Exporta Mais Brasil, iniciativa da Agência Brasileira de Promoção de Exportação e Investimentos (ApexBrasil) que reúne empresas brasileiras e importadores estrangeiros para promover comércio exterior. A abertura da etapa Centro-Oeste, que tem apoio do Centro Internacional de Negócios (CIN) da Fieg, ocorreu na terça-feira (17/10), no Palácio Pedro Ludovico Teixeira, com presença do governador do Estado, Ronaldo Caiado, do vice-presidente da Fieg André Rocha e do vice-presidente do Conselho Temático de Comércio Exterior (CTComex), Everaldo Fiatkoski.

Na Fieg, a rodada de negócios reuniu 31 empresas brasileiras, exclusivamente do setor de cosméticos, sendo dez delas indústrias goianas. No total, nove compradores internacionais da China, Bélgica, Singapura, África do Sul, do Moçambique, Panamá e Chile realizaram reuniões de negócios com empresas selecionadas de 11 Estados. O ministro-conselheiro da Embaixada de Gana no Brasil, Humphrey Ajongbah, também acompanhou a rodada.


Atualmente, Goiás abriga o 6º maior polo de cosméticos do Brasil e está entre os maiores fabricantes do País, com empresas que produzem dezenas de marcas de renome nacional. No Brasil, o setor de cosméticos encontra-se em pleno crescimento. De acordo com dados da Associação Brasileira da Indústria de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos (Abihpec), em 2022, o segmento movimentou US$ 1,5 bilhão, representando uma alta de 9,4% em relação ao ano anterior.

A programação do Exporta Mais Brasil em Goiânia segue até quinta-feira (19/10) e inclui visitas técnicas às empresas Nutriex, Rennova, Cosmefar e Francefarma, que, juntas, formam um verdadeiro polo de inovação em cosméticos em Goiânia.

SOBRE O EXPORTA MAIS BRASIL

Com o slogan Rodando o País para as Nossas Empresas Ganharem o Mundo, o Exporta Mais Brasil busca uma aproximação ativa com todas as regiões do País para potencializar suas exportações. Dessa forma, empresas brasileiras têm a oportunidade de se reunir com compradores internacionais que vêm ao Brasil em busca de produtos e serviços ligados a setores específicos.

Até o momento, sete rodadas do programa já ocorreram em vários Estados, gerando mais de R$ 100 milhões em negócios. A 1ª foi na Paraíba, voltada ao setor moveleiro. A 2ª rodada ocorreu no Espírito Santo para o setor de rochas ornamentais, seguida de Rondônia, dedicada aos cafés Robustas Amazônicos. Em seguida, Foz do Iguaçu, no Paraná, sediou encontro voltado ao setor de pesca e aquicultura. Na 5ª rodada, em Fortaleza (CE), o programa se dedicou ao artesanato brasileiro. A 6ª rodada foi no Rio de Janeiro (RJ) para o setor cervejeiro. E, finalmente, a 7ª rodada, em Goiânia, com foco no setor de cosméticos. Até o final do ano, o programa terá completado 13 rodadas dedicadas a 13 diferentes setores, em 13 Estados brasileiros.

Para mais informações sobre o Exporta Mais Brasil acesse: https://apexbrasil.com.br/exportamaisbrasil

Com informações da Fieg

Emerson Tormann

Técnico Industrial em Elétrica e Eletrônica com especialização em Tecnologia da Informação e Comunicação. Editor chefe na Atualidade Política Comunicação e Marketing Digital Ltda. Jornalista e Diagramador - DRT 10580/DF. Sites: https://etormann.tk e https://atualidadepolitica.com.br

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem

Últimas

5/recent/post-list