Em mais uma ação para o lançamento da reedição do CD Duas Marias, trabalho que foi lançado originalmente no ano de 2015, pelo duo formado pelas instrumentistas Maria Bragança e Maria Teresa Madeira, mais vídeos de concertos on-line já estão disponíveis para a apreciação do público, com o patrocínio da CEMIG, através da Lei Federal de Incentivo à Cultura. Desta vez, as artistas interpretam as músicas, Oblivion, de Astor Piazzolla, Odeon, de Ernesto Nazareth, Valsa da Dor, de Villa Lobos, Gaúcho (Corta Jaca), de Chiquinha Gonzaga, Valsa Triste, de Radamés Gnattalli e Chorando de Alegria, que é uma faixa autoral de Maria Teresa Madeira.

Antes de todo esse sucesso musical e dos concertos on-line, as artistas que já se conheciam, mas ainda não tinham um trabalho juntas, tiveram um grande reencontro das Duas Marias, Maria Bragança e Maria Teresa Madeira, em 2005, com o concerto na Sala São Paulo, a convite da Filarmônica Brasileira. Desde então, continuaram em contato, com encontros musicais além de gravações no terceiro álbum da saxofonista Maria Braganca, intitulado Trova Brasileira (2055), nas faixas Odeon, do Ernesto Nazareth e Rosa de Pixinguinha.

O CD Duas Marias foi lançado no Festival VAC - Verão Arte Contemporânea. O trabalho foi indicado na pré-final do prêmio Grammy 2016. Em 2020, ganharam o prêmio de melhores instrumentistas da Radio Inconfidência, de Belo Horizonte, e reeditaram o mesmo álbum com o patrocínio da CEMIG, através da Lei Federal de Incentivo à Cultura.

Participações

A reedição de Duas Marias conta com as participações dos percussionistas Marco Lobo e João Bani, além, do baixista Dudu Lima e do contrabaixista Omar Cavalheiro. O trabalho promove ainda o encontro de Maria Bragança com a percussionista Débora Costa e a baixista Verônica Zanella, que são duas instrumentistas da nova geração da cena musical de Belo Horizonte.

Repertório liberado nos concertos on-line:

- Oblivion - Astor Piazzolla;

- Odeon - Ernesto Nazareth;

- Valsa da Dor - Villa Lobos;

- Gaúcho (Corta Jaca) - Chiquinha Gonzaga;

- Valsa Triste - Radamés Gnattalli;

- Chorando de Alegria - autoral de Maria Teresa Madeira.

 

Sobre Maria Bragança

Mineira de Itabira, bacharel em saxofone com título de Mestre em Música pela Robert Schumann Musik Hochschule Dusseldorf -Alemanha. Teve a oportunidade de estudar com Ivan Roth, cursos com Arno Bomkamp e David Liebmann. Maria Bragança já protagonizou uma série de concertos internacionais, ao lado do pianista Roberto Szidon, Michael Collins. Tocou ao lado dos grandes músicos do jazz como :contrabaixista Eberhard Weber, o percussionista Mustapha Tettey Addy, Naná Vasconcelos além de parcerias com o percussionista Djalma Corrêa e o guitarrista Toninho Horta. Atualmente é professora de musica da Fundação Artistica Belo Horizonte, realiza projetos sociais através da musica, Desde o lançamento de seu segundo CD Barro-Oco (trilha sonora do filme o poeta de sete faces ) filme sobre o poeta Carlos D. De Andrade no mercado brasileiro, a saxofonista Maria Bragança vem conquistando, no Brasil e na Europa um público seduzido pelas suas interpretações e composições.

Sobre Maria Teresa Madeira

Maria Teresa Madeira Estudou piano na Universidade Federal do Rio de Janeiro e fez o mestrado na Universidade de Iowa. É Doutora em Música pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro, onde é professora adjunta concursada desde 2009. Como solista e camerista apresenta-se com frequência no Brasil e no exterior, também ministrando masterclasses e workshops em países como E.U.A., França, Alemanha, Finlândia, Espanha, Argentina e Colombia. Em 1999 participou da serie televisiva que homenageou Chiquinha Gonzaga. Nesta ocasião gravou 3 cds dedicados a esta compositora. Com mais de 30 cds gravados, recebeu em 2016 o Prêmio da Música Brasileira e o Prêmio Bravo de Cultura com a Obra Integral de Ernesto Nazareth por Maria Teresa Madeira" (uma caixa com 12 cds totalizando 216 músicas) como melhor CD de música erudita.

 

Serviço

Maria Bragança e Maria Teresa Madeira lançam mais vídeos no canal do YouTube

Assista pelo: https://www.youtube.com/user/MariaBragancaOficial

A iniciativa conta com o patrocínio da CEMIG, através da Lei Federal de Incentivo à Cultura

O CD físico está disponível para venda em www.mariateresamadeira.com.br, na distribuidora Sonhos e Sons, livrarias e lojas de CDs em Belo Horizonte. As músicas também podem ser ouvidas por meio das plataformas digitais.

Duas Marias no Instagram: https://www.instagram.com/duasmariasinstrumental/

YouTube Maria Bragança: https://www.youtube.com/MariaBragancaOficial

Site Maria Bragança: www.mariabraganca.com

Youtube Maria Teresa Madeira: https://youtube.com/user/pianomadeira

Site Maria Teresa Madeira: www.mariateresamadeira.com.br

 


Livre de vírus. www.avast.com.
Compartilhar:

Grupo Balo

Comente:

Boazinhas