Desde a inauguração, a unidade recebe avaliações positivas acima de 99%

Frequentemente os profissionais do HRL recebem cartazes, cartas e e-mails de agradecimento. Foto: Divulgação

O reconhecimento do trabalho, em especial dos profissionais de saúde que se dedicam integralmente ao cuidar das pessoas, é muito importante. E a aprovação dos pacientes e familiares tem sido frequente no Hospital Regional de Luziânia (HRL), em pouco mais de um ano de funcionamento. De acordo com a ouvidoria do hospital, 99,6% dos usuários no mês de maio consideraram os atendimentos ótimos ou bons.

Esse índice demonstra a eficácia oferecida no HRL que se traduz na dedicação dos colaboradores. Desde julho de 2020, quando o levantamento começou a ser feito, foram registrados 100% de reações positivas em cinco diferentes meses. Além disso, o menor índice ainda é considerado ótimo, com um registro de 98% de satisfação.

A pesquisa de satisfação é feita a partir da escuta de pacientes internados, familiares e também de usuários que vão até a unidade para atendimento ou realização de exames. Os dados são colhidos pela ouvidoria do HRL, que cataloga e registra em tabelas. Além disso, outras fontes como cartas, ligações e e-mails registram, com frequência, dezenas de elogios advindos de pessoas das mais variadas cidades da região.

O diretor-geral do Hospital Regional de Luziânia, Francisco Amud, celebra o alto índice de satisfação com a unidade hospitalar. “Ficamos extasiados com tamanho carinho da população com o HRL. Esse índice é um demonstrativo do grande trabalho realizado aqui dentro, da equipe de limpeza até os profissionais de saúde”, afirmou.

A aprovação também passa pelos projetos realizados no hospital. Mesmo sendo tão jovem, o HRL é responsável por uma série de programas que tem objetivo de melhorar a qualidade de atendimento, como os projetos Amor CantadoAmor além do Vidro, Árvore da Vida, Escuta Terapêutica Perfil Humanizado são alguns exemplos de ações e atividades sempre em busca do acolhimento aos pacientes.

 

SOBRE HRL

O Hospital Regional de Luziânia (HRL) começou a receber os primeiros pacientes com sintomas de Covid-19 no dia 20 de maio de 2020. Vieram transferidos pela central estadual de regulação de vagas do Estado de Goiás. Os leitos são ocupados gradualmente, a partir da avaliação diária e conjunta da direção com a Secretaria Estadual de Saúde. Estadualizado, após passar oito anos em obras, o HRL foi o primeiro hospital do entorno do Distrito Federal dedicado a tratar pacientes com sintomas respiratórios agudos causados pelo novo coronavírus. Cerca de 1,2 milhão de pessoas, que moram na região, são beneficiadas pelo Hospital Regional de Luziânia.

HOSPITAL REGIONAL DE LUZIÂNIA
Assessoria de Comunicação | Ecco Comunicação

Aline Marinho | (11) 95484-9927 | aline@ecco.inf.br  

Luiz Fernando Fernandes | (61) 99242-3668 | luizfernando@ecco.inf.br

Compartilhar:

Caroline Guerra

Comente:

Boazinhas